Acusado de assalto é condenado a 19 anos

Um jovem de 24 anos, acusado de participar de um assalto a idosos, ocorrido em dezembro de 2017, foi condenado a 19 anos e 10 meses de reclusão pelos crimes de roubo qualificado, associação criminosa e corrupção de menores. A condenação foi proferida pelo Poder Judiciário da Comarca de Armazém.

O jovem, segundo a polícia, já possuía diversos antecedentes policiais por roubo. O crime chocou pela violência empregada pelos criminosos. Pelo menos quatro homens portando arma de fogo entraram na residência do casal de idosos, renderam e agrediram as vítimas, as quais contavam com mais de 70 anos de idade.

Dois adolescentes, de 16 e 17 anos, identificados como participantes do roubo, já haviam sido apreendidos, condenados a medidas socioeducativas de internação. As investigações foram realizadas pelos Policiais Civis da Delegacia de Polícia de Gravatal, contando com apoio dos Policiais Civis da Divisão de Investigação Criminal de Tubarão.

Todo o inquérito e procedimento de apuração de ato infracional para apuração dos fatos foi acompanhado pelo Ministério Público e Poder Judiciário da Comarca de Armazém. Os trabalhos foram coordenados na época pelos delegados Willian Antônio Meotti e André Crisóstomo.

Fonte: Diário do Sul