Quadrilha suspeita do violento assalto em Gravatal é detida

A polícia suspeita que a quadrilha tenha praticado diversos roubos em São Ludgero e região.

Polícia Civil detém suspeitos. (Créditos: Divulgação)

O carro roubado em um violento assalto na residência de um casal de idosos em Gravatal na madrugada desta segunda-feira (04), foi encontrado pela polícia na comunidade da Ponte Baixa, próximo a divisa entre São Ludgero e Pedras Grandes.

Conforme a Polícia Civil, foi apurado que o condutor acabou perdendo o controle do veículo e caiu próximo a uma ponte. Ainda segundo a polícia, os criminosos fugiram do local e foram resgatados por comparsas da quadrilha. Eles foram abordados e detidos em Tubarão.

  • Suspeitos detidos podem ser os responsáveis por uma série de crimes na região

Vários crimes vem ocorrendo na região nos últimos tempos e estão sendo investigados pelas policias Civil e Militar. Diante disso, após o assalto na residência dos idosos, no bairro Pouso Alto, em Gravatal, policiais Civis e Militares de Gravatal, Tubarão, São Ludgero e Capivari de Baixo, passaram a trocar informações e conseguiram identificar os envolvidos.

Um dos suspeitos, um adolescente de 16 anos, considerado o líder do grupo, está envolvido em vários crimes graves.

No início da tarde desta segunda feira, policiais civis da DIC de Tubarão, conseguiram abordar o jovem líder da quadrilha. Ele estava em um veículo Fiat/Pálio, cor branca, junto com outros quatro suspeitos, de 17, 18, 19 e 20 anos. Todos são moradores dos bairros Bom Pastor e Guarda, em Tubarão.

Em posse dos detidos foram encontrados elementos que comprovam a participação deles no assalto praticado em Gravatal. A polícia suspeita que a quadrilha tenha praticado diversos roubos na região.

Na casa do adolescente apontado como líder do grupo, os policiais encontraram diversas munições e objetos roubados do casal de idosos de Gravatal. Um inquérito policial foi instaurado na Delegacia de Polícia de Gravatal para apurar o crime.

Em relação as munições encontradas, um ato infracional deve ser instaurado na Delegacia de Polícia de Proteção a Criança, ao Adolescente, a Mulher e ao Idoso de Tubarão – DPCAMI, para apurar a posse ilegal da munição, segundo a Polícia Civil.

As investigações estão sendo realizadas pelos Policiais Civis da Delegacia de Polícia de Gravatal, contando com apoio de policiais Civis da Divisão de Investigação Criminal de Tubarão – DIC, Delegacia de Polícia de Proteção a Criança, ao Adolescente, a Mulher e ao Idoso de Tubarão – DPCAMI, Delegacias de Polícia de São Ludgero, Capivari de Baixo e Pedras Grandes, além de policiais militares de Gravatal e toda região.

O crime

Na madrugada de segunda-feira (04), um casal de idosos foi agredido com socos e chutes, sendo ameaçado por quase uma hora.

O crime aconteceu por volta das 2h, quando a residência foi arrombada por quatro homens armados.

Conforme a Polícia Civil, os suspeitos arrombaram a porta da frente do imóvel, renderam o casal de 74 e 71 anos, e roubaram diversos objetos da casa. Os criminosos utilizavam luvas e máscaras. Depois do crime os bandidos fugiram utilizando o veículo das vítimas, um GM/Montana, cor prata, placas MHF-4507.