Adolescente atingido por disparo morre

Com a morte de Mateus, a região da Amurel chega a seu 11º homicídio em menos de três meses.

adolescente-atingido-por-disparo-morre
Foto: Divulgação/Diário do Sul

Após mais de 20 dias internado no Hospital Nossa Senhora da Conceição (HNSC), de Tubarão, o adolescente Mateus Corrêa Stapazzoli, de 17 anos, não resistiu aos ferimentos após ser atingido por um disparo de arma de fogo e morreu. O crime aconteceu no dia 12 de fevereiro, na véspera de Carnaval.

No dia do fato, o jovem, de Capivari de Baixo, foi levado por uma segunda pessoa, de moto, até o quartel dos bombeiros. Ele havia sido alvejado na região do pescoço por um tiro. No local, recebeu os primeiros atendimentos. Embora estivesse consciente, ele foi conduzido ao Hospital Nossa Senhora da Conceição.

Na unidade de saúde, seguiu até a constatação de sua morte, na quarta-feira. De acordo com o delegado Ricardo Saroldi, de Capivari de Baixo, após o disparo a polícia deu início às investigações e apurou que um amigo da vítima, também um adolescente, foi quem efetuou o disparo. Na delegacia, o acusado alegou que estava manuseando a arma e disparou.

A arma, uma pistola calibre 22, foi apreendida. “O jovem respondeu a procedimento e será encaminhado ao fórum nos próximos dias. Só estamos esperando o laudo cadavérico”, informa o delegado. O adolescente acusado do disparo deverá responder, segundo o delegado, por homicídio culposo e porte ilegal de arma de fogo.

11º homicídio

Com a morte de Mateus, a região da Amurel chega a seu 11º homicídio em menos de três meses. Capivari de Baixo agora contabiliza dois assassinatos. Laguna lidera com quatro mortes, e Imbituba, com duas. As demais mortes aconteceram em Jaguaruna, São Ludgero e Tubarão, todos os municípios com uma morte cada.

Fonte: Diário do Sul